Assine

Termotécnica apresenta Monoforte em evento da Fiesc

24/11/2016 - 11:11
Termotécnica apresenta Monoforte em evento da Fiesc

Sistema Construtivo em isopor recebe destaque entre profissionais do segmento da Construção Civil em Santa Catarina

O Sistema Construtivo Monoforte foi apresentado durante o II Seminário de Inovação e Tecnologia na Cadeia da Construção Civil de Santa Catarina.

Realizado pela FIESC, Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina, o evento reuniu no dia 17 de novembro representantes da indústria da construção civil catarinense. São executivos, dirigentes, gestores, presidentes de sindicatos, empresários, representantes de órgãos governamentais e de pesquisa, academia e demais profissionais em busca de cases e soluções voltadas para a inovação neste segmento.

O Monoforte

Consolidando seu compromisso com a inovação, a tecnologia e a ecoeficiência, a Termotécnica se fortalece no segmento da Construção Civil a partir do Sistema Construtivo Monoforte. São paredes feitas de painéis monolíticos de concreto armado com isolamento térmico, que podem substituir a alvenaria estrutural ou de vedação.

Já muito utilizado na construção civil em diversos países, as tubulações de hidráulica, esgoto e elétrica do Monoforte são instaladas entre os painéis e a tela metálica, resultando em um sistema resistente, rápido e econômico.

É indicado para todos os tipos de edificações, como residências, escritórios e indústrias. Permite que todo o processo construtivo seja otimizado, com a redução no tempo de execução e na mão de obra necessária que, dependendo do projeto, pode ser superior a 30%. A facilidade se estende ao transporte e manuseio do material, que é leve e compacto. Além disso, o isolamento térmico e acústico é outro diferencial do Sistema Monoforte, que contribui para a valorização do empreendimento.

Vantagens em relação à alvenaria convencional

Dependendo do projeto, as vantagens do Sistema Monoforte são diversas, como:

- Redução no tempo de execução e na mão de obra necessária pode ser superior a 30%.
- Valor do m² construído pode ter uma redução superior a 20%.
- Quantidade de resíduo da obra pode ser reduzida em até 80%.
- Isolamento térmico e acústico em material 100% reciclável.
- Material retardante à chama.
- Facilidade para fixar as tubulações.
- Facilidade de transporte do material.

  Mais notícias